fbpx

ALERTA INFORMA: veja o resumo com as principais notícias que foram destaque na semana no meio tributário e varejista que a Alerta Fiscal preparou para você. Os principais assuntos dessa semana são:

– Alibaba inaugura loja física no Brasil. A empresa de comércio eletrônico chinesa AliExpress – do grupo Alibaba – abriu no Brasil sua segunda loja física fora da China (a 1ª foi na Espanha) para mostrar alguns de seus produtos. Em ação capitaneada pela startup curitibana de pagamentos Ebanx, a companhia chinesa abriu no dia 6 uma espécie de vitrine virtual em Curitiba. O espaço é temporário e estará aberto somente até 5 de outubro no shopping Mueller, na capital paranaense. A loja funciona no formato guide shop, isto é, sem estoque e apenas com visualização dos produtos em tablets. Saiba mais!

– Reforma tributária tramita na Câmara dos Deputados. Apesar de o presidente Jair Bolsonaro ter descartado a volta da CPMF, alguns deputados querem recriar o tributo utilizando a proposta de reforma tributária que tramita na Câmara. A chamada PEC 45 recebeu 114 emendas, sendo que quatro delas ressuscitam o tributo. Algumas emendas contemplam também demanda de municípios para aumentar a arrecadação das prefeituras. Leia mais!

– Investimentos em startups seguem aquecidos. Diferente das companhias tradicionais, que estão desacelerando investimentos por conta da crise, o mundo das startups segue aquecido, mantendo o otimismo gerado pelos resultados de 2018, quando o Brasil presenciou suas primeiras empresas iniciantes avaliadas em mais de US$ 1 bilhão. Saiba mais!

– Vendas do varejo superam expectativas em julho. As vendas do comércio varejista em julho tiveram alta de 1,0% em relação a junho, na série com ajuste sazonal, e surpreenderam os analistas do mercado financeiro, melhor resultado para o mês desde 2013. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que atribuiu o resultado a evolução gradual do mercado de trabalho e ao avanço do crédito. Leia mais!

– Setor de serviços cresce em julho. Segundo o IBGE, o setor de serviços no Brasil cresceu 0,8% no mês de julho com relação a junho. São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal foram os destaques. De a