fbpx

ALERTA INFORMA: veja o resumo com as principais notícias que foram destaque na semana no meio tributário e varejista que a Alerta Fiscal preparou para você. Os principais assuntos dessa semana são:

–  Robôs como colegas ou ocupando o seu lugar no trabalho? Após ouvir 2 mil profissionais na Europa e nos Estados Unidos, pesquisadores da Universidade Técnica de Munique concluíram que os trabalhadores preferem perder o emprego para robôs a verem suas tarefas sendo feitas por outros seres humanos. A situação se inverte apenas quando a pessoa a perder um emprego é um colega de trabalho. Nesse caso, a preferência é por seguir trabalhando ao lado de uma pessoa. Para os autores do estudo, isso acontece pelo fato das pessoas se compararem menos com máquinas, que representam uma ameaça menor para a autoestima. Saiba mais!

– Setor de pagamentos deve crescer 5% no planeta. Segundo projeção global do Boston Consulting Group, as receitas do segmento devem crescer pouco mais de 5% no mundo frente a 2018, para US$ 1,49 trilhão, após expansão de 11% em 2018 com relação a 2017. O estudo ainda estima que as receitas desse mercado devem chegar perto de US$ 2,5 trilhões em nove anos. A previsão para a América Latina é de crescimento anual médio de 5,3% até 2028. Saiba mais!

– Arrecadação federal atinge R$ 1 trilhão. A arrecadação de impostos, contribuições e demais receitas federais atingiu R$ 119,9 bilhões em agosto, o que representa um crescimento anual real de 5,67% na comparação com o mesmo mês do ano passado. Segundo dados da Receita Federal, no total acumulado dos primeiros oito meses de 2019, o volume arrecadado superou R$ 1 trilhão — o melhor resultado para o período desde 2014. No ano passado, o rombo das contas públicas foi de R$ 120 bilhões. Para 2019, o objetivo do governo para cumprir a meta fiscal é de um déficit de até R$ 139 bilhões. Saiba mais!

– Setor de serviços rejeita fusão do PIS/Cofins na reforma tributária. Representantes do setor já avisaram a equipe econômica do governo que não aceitam a fusão do PIS/Cofins com apenas uma única alíquota na proposta de reforma tributária. O governo vai enviar ao Congresso um projeto de lei com a unificação dos dois tributos num Imposto sobre Valor Agregado (IVA) dual. A intenção é criar o novo imposto com uma única alíquota, mas simulações estão sendo feitas com alíquotas diferenciadas.Saiba mais!

– Devedores podem ser excluídos do Simples Nacional. A Receita Federal notificou 738.605 empresas optantes do Simples Nacional que estão em débito com o Fisco e a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, no valor total de R$ 21,5 bilhões. Com isso, essas micro e pequenas empresas poderão ser excluídas do regime de tributação especial por inadimplência. Mesmo após emitir o Termo de Exclusão, o Fisco ainda oferece um prazo para que a empresa regularize a pendência antes do desenquadramento. Caso a empresa não solucione a situação dentro do período estipulado, que é de 30 dias a partir da ciência do Termo, a exclusão do regime é concretizada. Saiba mais!