fbpx

Manter um comércio varejista ativo requer a execução seriada de vários processos, muitas vezes simultâneos. Para gerir toda essa dinâmica, foram desenvolvidas ferramentas de controle integrado, como é o caso do ERP. Nesse artigo contaremos tudo o que você precisa saber sobre o assunto, e também sobre como essa solução tecnológica se aplica em seu negócio.

 

Em um segmento altamente competitivo, ter acesso às tecnologias mais recentes, que facilitem as rotinas de controle do negócio, é absolutamente fundamental – e pode significar, além de vantagem competitiva, a própria diferença entre o sucesso e o risco de quebra na continuidade das operações.

 

ENTENDENDO O QUE É ERP

 

O ERP (Enterprise Resource Planning) ou Sistema de Planificação de Recursos Empresariais é um software desenvolvido para planificar ativos e passivos, integrando os departamentos da empresa numa só plataforma de registro e controle. Esse sistema opera coletando e centralizando os dados financeiros da empresa, gerando a partir desses números as informações que irão alimentar o processo decisório da companhia, com o objetivo de aumentar a eficiência do negócio.

 

É uma ferramenta importante para empresas dos mais variados segmentos, pois proporciona organização, centralização das informações e controle. Se bem implantado – e conectado às ferramentas corretas, o ERP pode ainda reduzir custos, e contribuir para um crescimento consolidado.

 

O ERP NO VAREJO

 

Com processos que compreendem desde a compra de itens para revenda ou insumos, passando por entrada e controle de estoque,  manutenção do cadastro de produtos, controle de créditos fiscais, pagamento de tributos correspondentes, disposição nos pontos de vendas, e indo até o faturamento no ponto de venda, o comércio varejista depende da operação do ERP em praticamente todos os pontos de sua operação. 

 

Para cada uma dessas etapas, há uma série de dados sendo gerados e acompanhados, para garantir organização, excelência, destaque e sustentabilidade do negócio. O ERP garante a padronização dos procedimentos e agilidade no acesso à informação, além de possibilitar mensuração de vendas, controle de estoque em tempo real, gestão de contas a pagar e a receber, de obrigações fiscais, e do capital humano – dentre outras inúmeras funções que podem ser agregadas.

 

Frente de Loja

 

A frente de loja, ou o popular ponto de venda, é o ponto de contato mais importante entre a gestão financeira e o cliente. É a frente de loja que efetivamente irá efetivar a venda, criando ali os lançamentos que irão alimentar as movimentações de estoque, as obrigações fiscais e o contas a receber do comércio varejista. 

 

O ponto de venda, dada sua importância para a atividade comercial, precisa aliar segurança de operações com agilidade; nesse sentido, a automação é um ponto importante, à medida que garante que todas as movimentações sejam geradas no sistema ERP de forma tempestiva e com assertividade.

 

Importante ressaltar que hoje há opções de softwares de controle de frente de loja que funcionam de modo independente ao ERP, com interface em tempo real. Soluções especializadas de checkout de loja, tanto no comércio físico como no virtual, podem garantir maior robustez e escalabilidade, ao mesmo tempo em que pode acrescentar uma camada adicional de segurança de dados.

 

Sistemas independentes, que se conectam ao ERP através de interface dedicada, podem representar ainda ganhos importantes em manutenção e disponibilidade. Nenhuma solução, contudo, funcionará de forma satisfatória sem que haja um eficiente controle de estoque e um efetivo trabalho de saneamento e manutenção do cadastro de produtos.

 

Controle de Estoque e Cadastro de Produtos

 

Para uma empresa do setor varejista trabalhar de modo eficiente, o estoque precisa funcionar de forma organizada e controlada. Caso contrário, em uma reação em cadeia, outros setores também sofrerão as consequências de um estoque mal gerenciado. 

 

A utilização de um bom ERP reduz sensivelmente a probabilidade de erros acontecerem na gestão de estoque, uma vez que todas as informações correspondentes estarão agrupadas no sistema. Isso irá permitir um acompanhamento de perto e em tempo real.

 

Ainda, um bom planejamento de estoque possibilita maior agilidade na reposição de itens de maior rotatividade, diminuindo eventuais riscos de desabastecimento. Além de garantir a venda, a disponibilidade do produto desejado contribui para a satisfação e a fidelização do cliente.

 

A gestão de estoque, ainda, garante que, desde o momento da entrada do item no lançamento da nota fiscal de compra, haja rastreabilidade não somente do item físico, mas também o controle dos créditos fiscais de ICMS, PIS e COFINS. O correto lançamento do produto adquirido para revenda possibilitará a correta elaboração das obrigações acessórias, eliminando eventuais riscos de autuações e consequentes perdas importantes em multas e juros de mora.

 

Para alcançar excelência na classificação fiscal – e afastar por completo eventuais riscos fiscais – é de suma importância que os cadastros de produtos sejam constantemente auditados e saneados, de forma a garantir que todas as classificações contábeis e fiscais estão sendo feitas de acordo com a legislação vigente.

 

Esse também é um ponto de grande relevância para a própria manutenção do ERP escolhido para centralizar as operações do comércio varejista, à medida que o sistema sempre será tão bom quanto a sua parametrização permitir. Garantir qualidade nos cadastros efetuados, na maioria dos casos, é o que separa os sistemas ERP que funcionam, daqueles que representam dores de cabeça para a gestão da empresa.

 

REDUÇÃO DE ERROS E CUSTOS

 

Como vimos até aqui, o ERP é a ferramenta que integra departamentos e que garante o controle efetivo das atividades do comércio varejista. Ainda, vimos que é de suma importância que o sistema conte com integrações de qualidade, representando segurança, escalabilidade e assertividade nas operações de vendas – representando relevante redução da ocorrência de erros e, por conseguinte, de custos.

 

Tão importante quanto escolher o ERP mais adequado ao seu negócio, é contar com as melhores integrações para que o sistema traga os resultados desejados.

 

A Alerta Fiscal conta com profissionais especializados e tecnologias de ponta para sanear e manter o cadastro de produtos do seu ERP sempre em dia com as últimas mudanças na legislação fiscal. Nossa tecnologia exclusiva alia inteligência fiscal com automação de análises para garantir o compliance fiscal do seu processo comercial. Conheça nossas soluções se surpreenda. 


 

Por Atracto

 

Você também pode gostar do artigo TECNOLOGIA NO VAREJO: COMO USAR FERRAMENTAS DE FORMA ASSERTIVA?