fbpx

Hoje queremos bater um papo com você sobre as inúmeras vantagens existentes em investir em um software de revisão tributária. Estamos falando de uma aplicação com retorno garantido e que com certeza tem um valor empregado muito menor do que está imaginando. 

 

Primeiro, precisamos te lembrar que sua empresa responde por muitas obrigações fiscais e tributárias e que existem prazos limites para a entrega de declarações. E que o não cumprimento dessas determinações geram autuações realizadas por órgãos fiscais como por exemplo a Receita Federal e fisco. E consequentemente, multas e prejuízos financeiros. 

 

Além disso, estamos falando de Brasil, o país com números elevados de leis e com uma frequência altíssima de mudanças e ajustes em suas regras. Para se ter uma ideia, hoje existem mais de 41 mil leis tributárias vigentes em todo país e uma média de 46 delas sofrem alterações diariamente. 

 

Ou seja, é bem provável que você tenha uma certa dificuldade de acompanhar todas essas mudanças em tempo real e ainda consiga aplicar cada uma delas em todas as suas obrigações tributárias que devem ser entregues durante todos os meses. 

 

E isso vai ser independente do tamanho da sua empresa, sendo assim, não importa se você é um micro ou pequeno empreendedor, podemos te garantir que as dificuldades encontradas serão as mesmas de um negócio de grande escala. 

 

E uma das consequências que atingem de forma direta os empresários, além da fiscalização, é o pagamento de impostos a maior – ou seja, pagamento de impostos além do que realmente é devido. Isso alcança cerca de 95% das companhias. É mais desperdício financeiro e mais prejuízo para contabilizar. E isso tudo pode ser evitado com a utilização das ferramentas corretas em sua empresa. 

 

E é aí que entra o software de revisão tributária, mas primeiro vamos entender o que isso significa.

 

REVISÃO TRIBUTÁRIA 

 

De forma bem direta a revisão tributária é a apuração mais detalhada possível de todos os impostos que a sua empresa precisa pagar. Além de garantir que você esteja em conformidade com os processos, também lhe dá um visão geral dos riscos que corre e das oportunidades que podem surgir dentro da realidade da sua empresa, além de ser a chave para o correto cadastro de produtos que seu varejo comercializa. 

 

Pense que o seu negócio trabalha com uma média de 10.000 produtos ativos, disponíveis para comercialização. Isso irá se transformar em aproximadamente 1.500 NCMs. Como você fará isso de forma manual, garantindo que todas as informações estejam corretas, assim como as alíquotas correspondentes, como ICMS, PIS, COFINS, entre outras?

 

CADASTRO DE PRODUTOS E REVISÃO TRIBUTÁRIA 

 

“O cadastro de produtos deve ser feito bem no começo da atividade da empresa, seja varejo, atacado ou indústria. Nesse início é necessário definir qual a destinação dos itens e sua utilização, que de forma geral podem ser categorizados como, mercadoria para revenda, matéria prima ou item para consumo, entre outros quesitos. Os produtos têm identidade perante o fisco de acordo com seu NCM e descrição. Então, fique atento!

 

O principal benefício é a tributação correta dos itens o que irá gerar uma apuração fiscal mais organizada e assertiva. O NCM é o identificador para determinar qual serão os tributos que incidirão nas operações de entrada ou saída da empresa nestes itens (lembre-se que os tributos recorrentes são PIS, COFINS, IPI, IRPJ, CSLL e ICMS).

 

Acertar nesse ponto acarreta dados mais confiáveis de desempenho, como vendas e lucro. Essas informações permitem, por exemplo, combater a ruptura de itens importantes e diminuir estoques daqueles com desempenho inferior. Não é à toa que falamos que vale investir em um sistema que acompanhe tudo isso!

 

O cadastro vai além de ser só um registro dos produtos a serem vendidos na loja. Ele é fundamental na estrutura mercadológica, por isso deve seguir o critério de compra do supermercadista nas diversas categorias. Um cadastro eficiente e atualizado antecipa tendências e revela problemas muitas vezes difíceis de visualizar, o que acaba deixando a empresa exposta a riscos desnecessários. Um deles é a falta de conformidade com a legislação!

 

Estar em conformidade com as regras tributárias evita fiscalizações do fisco federal e estadual, atualmente com a quantidade de declarações acessórias eletrônicas do sistema público de escrituração digital (SPED) a verificação destes NCMs se tornou mais ágil, assim como a percepção se eles estão incorretos.” – trecho do artigo COMO AUMENTAR O SEU LUCRO COM A REVISÃO DE CADASTRO DE PRODUTOS?

 

Para se ser ter uma ideia do tamanho do impacto que esse processo tem sobre um empresa, o site Infomoney divulgou uma pesquisa em que os dados apontavam a recuperação fiscal de aproximadamente 700 mil reais feitos por algumas empresas que investiram na tecnologia como parceira. 

 

VANTAGENS DE TER UM SOFTWARE DE REVISÃO TRIBUTÁRIA 

 

REDUÇÃO DE RISCOS 

 

Logo de cara você já se beneficia com a possibilidade de poder identificar, calcular, mensurar e diminuir riscos na esfera tributária. Uma vez que o recolhimento de tributos obrigatórios, está, ou pelo menos deveria, no seu planejamento financeiro. Isso vai de encontro com a redução de prejuízos e da chance de penalidades fiscais.

 

IDENTIFICAÇÃO DE BENEFÍCIOS FISCAIS 

 

Ta aí uma palavra que gostamos de ler: benefícios! E eles existem, sim, e estão à sua disposição para serem utilizados. Mas você só conseguirá identificar os créditos fiscais aos quais tem direito se fizer uma revisão tributária eficiente em seu negócio. Não aproveitar essa vantagem, também significa perder dinheiro. 

 

PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO E DE PREÇOS 

 

O planejamento tributário permite que você tenha uma visão 360º da sua empresa e consiga identificar os pontos cegos que vão exigir mais dedicação. Porque de nada adianta estar com uma parte do processo redonda, se tem algo de errado no meio do caminho. É como se você estivesse o tempo todo apagando incêndios e nadando sem sair do lugar.

 

Além disso, o uso da ferramenta também vai te alimentar com dados suficientes para que você consiga ter um panorama muito melhor no momento de comprar, e principalmente, de vender seus produtos, ajudando a precificar cada mercadoria. mantendo assim, um equilíbrio saudável entre saída e entrada de receita. 

 

Agora você deve estar se perguntando: além de investir em um software de revisão tributária eu preciso ter alguém especializado para executar essa tarefa? E a resposta é SIM! De nada vai adiantar ter a ferramenta se não existir a mão de obra qualificada para tirar o melhor proveito de todos os recursos que ela oferece.

 

Nossa dica de ouro é contar com a ajuda de uma assessoria fiscal e tributária especializada. E pode ter certeza que investir nesse combo é algo muito mais acessível do que você imagina. Entenda as vantagens: 

 

“O trabalho executado envolve de forma geral soluções fiscais e tributárias e englobam todo o processo desde análise inicial, traçando caminhos e apontando pontos de melhorias. Além de auxiliar na difícil tarefa de manter suas informações de produtos e, consequentemente, suas obrigações fiscais atualizadas e corretas elaborando um levantamento completo das necessidades para classificação correta de produtos e auditoria nas notas fiscais e demais documentos.” –  Trecho do artigo 5 DICAS PARA APRIMORAR A GESTÃO DO SEU MINIMERCADO

 

Para saber mais conte com o time da Alerta Fiscal, oferecemos todo o suporte para realizar a revisão tributária da sua empresa e muito mais. Fale conosco hoje mesmo. 

 

Por Atracto


 

Você também pode gostar do artigo ERRAR NA REVISÃO DE CADASTRO TRIBUTÁRIO DESTRÓI A EMPRESA